Notícias
Buscar

A dificuldade dos estudantes em focarem nos estudos em 2020 acabou resultando em um grande número de abstenções em várias cidades do país. Em Três Corações não foi diferente, a cidade teve, segundo os dados da educação, 50% de abstenções no primeiro dia do ENEM – Exame Nacional do Ensino Médio.

Em Minas Gerais o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), também apontou que a ausência notada no estado foi maior do que a média nacional. Segundo o Inep, 52,8% dos inscritos para a realização da prova em Minas não se apresentaram.

E claro que um dos principais motivos para tanta abstenção, é a pandemia da Covid-19. Se não pela insegurança nos locais de prova, a falta de preparo teria resultado na ausência de tantos estudantes no exame.

O professor Paulo Henrique Pereira, popularmente conhecido como PH, auxiliou muitos estudantes desde o início da pandemia em Três Corações e acredita que a situação dificultou o preparo de muitos deles. “A população não estava preparada, nem professores e nem alunos para o ensino remoto e isso pode ter prejudicado muitos. Sem contar que muitos estudantes possuem idosos em casa, e por receio alguns podem ter deixado de comparecer no exame”.

E como o segundo dia de prova terá as questões de exatas, o professor orienta os estudantes. “Caso tenha alguma questão que não tenha entendido muito bem, espere e vá para as outras e deixe tal questão por último. E é bom lembrar sempre de relaxar e descansar um dia antes da prova, para que chegue bem e possa fazer o exame de forma tranquila”, explicou.


A Polícia Militar recebeu na tarde de ontem uma denuncia anônima de que alguns indivíduos estariam circulando na zona rural de Cambuquira, distribuindo “kits” com pedras de crack e cobrando dividas de drogas.

A PM realizou rastreamento e localizou os suspeitos em um Celta, preto, na estrada Congonhal, na zona rural.

Segundo a Polícia Militar no veículo, quatro homens foram abordados, entre eles, o motorista de 41 anos, um jovem de 19 e outros dois de 34 e 27 anos. Em busca pelo veículo, a polícia encontrou embaixo dos bancos 1.038 (mil e trinta e oito) pedras de crack, embaladas e prontas para o comércio; seis aparelhos celulares de diversas marcas e modelos; 01 cheque no valor de R$3.878,00 (três mil, oitocentos e setenta e oito reais); 01 balança de precisão, R$520,00 (quinhentos e vinte reais) em moeda corrente; várias embalagens, saquinhos plásticos (tipo geladinho) e duas giletes.

Os homens negaram a propriedade dos materiais. O veículo foi removido para o pátio, os autores presos e entregues à disposição da Justiça Criminal, juntamente com os materiais apreendidos.

A Polícia Militar aprendeu na noite de ontem e na manhã de hoje, dois suspeitos do homicídio consumado de um jovem próximo ao Cemitério Municipal no último dia 12 de janeiro, na Vila Gessé, Três Corações.

Morte foi registrada na Vila Gessé, no último dia 12 de janeiro no início da manhã


De acordo com a polícia, na noite de ontem, uma guarnição realizou a prisão de um dos suspeitos, que conseguiu evadir deixando uma sacola com armas, drogas e celulares. No entanto, o rapaz de 20 anos foi capturado pela polícia. Já na manhã de hoje, um outro suspeito, que seria um adolescente de 16 anos, foi apreendido pela polícia saindo de sua casa. A polícia tinha dois mandatos de internação e realizou a apreensão do jovem. Ambos foram apreendidos pela PM e encaminhados à Polícia Civil. A Polícia Militar esclareceu que esses crimes envolvem brigas de bairros que acontecem há muitos anos na cidade.